3.9.06

Setembro

"Quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos"...
A boa nova, por aqui, veio na forma de uma chuva forte no final de semana.

"Quero ver brotar o perdão onde a gente plantou, juntos outra vez"...
Quero perdões, sim. Mas épicos, e não líricos. Se for pra estar junto, outra vez, só se for pra sempre.

"Já sonhamos juntos semeando as canções no vento
Quero ver crescer nossa voz no que falta sonhar"...
Eu quero. Mas não basta que só eu queira.

"Já choramos muito, muitos se perderam no caminho
Mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer
Sol de primavera abre as janelas do meu peito"
Chega de choro. Canções e sóis de primavera combinam mais com riso.

"a canção sabemos de cor
só nos resta aprender..."
Este é o problema: colocar a teoria em prática! rs...

Que setembro seja doce, perfumado e romântico pra todos! Eu me incluo nisso. Preciso de uma primaverana Vida.

(Obs.: a poesia entre aspas é a letra da música "Sol de Primavera", de Beto Guedes)

2 comentários:

Marco Santos disse...

Tenho engatilhado um post sobre setembro e com essa música rolando ao fundo.
Beijos. E que a primavera chegue pra você.

Marilyn disse...

Eu amooooooooooo essa música!
Tanto que ela sempre abre setembro no *TM*! ;)