11.9.06

11 de setembro


Cá estamos nós, vivendo mais um 11 de setembro.
Tenho certeza de que você se lembra exatamente onde estava, o que sentiu, com quem estava "naquele" 11 de setembro.
Mas o que mais me assusta é a rapidez e a facilidade com que assimilamos as situações mais bizarras como se fossem "naturais".
Você já fez sua parte, hoje, pra tornar o mundo melhor?
O Couro de Jacaré tem um post interessante sobre isso (no dia 10/09/06).
Tem um professor Juscelino Nóbrega da Luz que fez algumas previsões meio assustadoras pra humanidade.
E acho que hoje é um dia pra gente começar com pequenos gestos que, juntos, ficam grandiosos. Sugestões não faltam:
- A Lili, no Quase histórias de Amor, fala da Biblioteca Livre;
- Separe o lixo reciclável;
- Doe uma cesta básica pra qualquer instituição de caridade que você conheça;
- Visite um asilo ou orfanato;
- Economize água;
- Doe roupas, sapatos, utensílios e móveis que não lhe servem mais;
- Doe as armações de óculos que você não vai mais usar;
- Disponha-se a ensinar alguma coisa pra alguém, sem cobrar (alfabetize um adulto, ensine inglês, informática, culinária, crochê, bordado... certamente você sabe fazer alguma coisa que alguém bem próximo de você não sabe);
- Sorria e deseje "bom dia" com afetividade;
- Procure conhecer-se, respeitar-se e perdoar-se mais. Ser tolerante consigo mesmo é o primeiro passo para ser tolerante com os outros;
- Reze. Oração nunca é demais e nunca atrapalha.

13 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

Sorrindo e lhe desejando bom dia queridaaaaa!!!
Claro que me lembro onde e como estava naquele 11 de setembro, frente a TV com cara de assustada e muito triste perante tudo o que acontecia...meu filho tinha acabado de embarcar de volta aos EUA, imagina como eu estava :(
Semana que vem estarei indo pra sua terrinha, te ligo ok?
Linda semana flor
beijosssssssssssss

Tiago disse...

e vamos pra frente. beijo.

Lili disse...

Obrigada pela citação. Adorei a idéia de doar as armações de óculos. Nunca tinha pensado nisso! Beijos!

Sheila disse...

Oi amiga, voltei, cheia de saudades e entusiasmo, boas dicas, algumas coloco em prática há tempos, outras, já "anotei"!
Beijos!!!!

Claudinha disse...

oi querida! Não tenho conseguido abrir sua página! Eu me lembro exatamente. Estava entre a vida e a morte, numa sala cheia de médicos, que tentavam me ressuscitar e ouvia comentários das torres e achava ue eu estava lá em NY. Não conseguia acordar por mais que tentasse, só voltei a mim, quando me lembrei das crianças e queria de todo jeito procurá-las. Os médicos me deixaram irpara o quarto em seguida, eu só fui ter a exata noção do 11 de setembro em NY meses depois que fui operada de aneurisma cerebral e minha emoção ainda me trai. Choro muito. Já são 5 anos que venci a morte (Está lá no meu Fractais no link Curto circuito)... Beijos! (As orações me ajudaram muito, pessoas de todas as religiões e de toda a cidade me ajudaram!)

Armando disse...

Ordem dada, ordem cumprida!rsrsrs Ótima semana...Bjks.

Marco Santos disse...

Eu estava no trabalho. Arrumaram uma TV e nós ficamos lá, vendo on trailer do apocalipse...E eu lembrando que quatro anos antes, em setembro, eu estava no alto da torre sul, tirando fotos com meus amigos.
Beijo, querida.

Ana Carla disse...

Márcia (Clarinha), espero sua ligação, ou um e-mail confirmando dia e hora de sua chegada. Por aqui está MUITO calor. Beijão!!


Tiago, tomara estejamos caminhando pra frente, mesmo. Meu receio é que tenhamos nos perdido pelo caminho. Beijão!!


Então, Lili!! As "ópticas" costumam saber pra quem doar. Meu filhote usa óculos desde os 3 anos. As crianças crescem, e assim como roupas e sapatos, as armações ficam pequenas rapidinho. Na minha cidade, doamos para o Rotary Club, que tem um programa para identificar e tratar dos problemas visuais infantis. Beijão!!

Ana Carla disse...

Sheila, que bom que está de volta. Já vou lá, visitar você!! Beijo!!


Claudinha... claro que fui lá pra ler detalhes da sua história. Impressionante. Cada um de nós vivemos nossos "pedacinhos difíceis". O bom da história é que vamos nos fortalecendo. Aprendendo sobre vida, morte, perdas... vamos moldando nossos valores. Um beijão pra você!!


Armando, isso mesmo!! Continue obediente!! rsrs... Beijo!!


Marco, sei que o choque foi muito forte para todos, mas acredito que especialmente dolorido para quem conheceu o lugar pessoalmente, e de algum forma criou vínculos. Beijão!!

Anne disse...

Belos conselhos! Estas são formas simples de fazer o mundo um lugar melhor para se viver!

Bjão!!

Ordisi disse...

Bom, eu que gosto de um stress peguei três vôos ontem, hehehe. Mas tudo bem, Carlinha, tudo joinha.

:)

Bjos.

Dono do Bar disse...

Ana Carla, minha querida amiga distante! Mas perto do coração, pode estar certa. Como tem passado? Espero que muito bem! Seu amigo aqui só pára pra curtir a vida depois do dia primeiro de outubro. Enquando isso, vamos observando essas dicas para fazermos de nossa vida e do mundo um lugar melhor para se viver.
Beijos!

DB.

Ana Carla disse...

Anne, se cada um fizesse sua parte...


Chefe adorado, sua estrela brilha sempre!!!


Meu querido Senhor Dono do Bar !! Quanta saudade!! Tenho certeza que você deixa o mundo melhor!! Beijão!!