21.11.12

Cabeça de gorda

O peso empacado, a coluna doendo...
Durmo pensando no que vou comer no café da manhã. Acordo pensando em qual será o almoço. Me envolvo no trabalho e esqueço do lanche da tarde. À noite eu como feito lima nova.

Hoje comentei lá no blog da Raquel, o Cottage Regressiva, que só consigo emagrecer quando estou feliz. Mas é tão difícil sair desse ciclo vicioso! Tenho me sentido tão absolutamente sozinha! (Momento ironia: será que é porque moro sozinha, numa cidade onde não consigo fazer amigos?? Filhote prum lado, namorido pro outro...)
Pensando em contratar algum desses programas tipo "Dieta e saúde" pra ajudar. Alguém conhece?
Não tem "Vigilantes do peso" na megalópole onde moro.
Alguma outra dica?
Foto de: cartunistasolda.com.br

5 comentários:

Ana Pereira disse...

Ana amor!

Desejo que vc seja feliz todos os dias então!!!

Olha, eu já fiz esse programa "Dieta e Saúde" é muito bom! pena que eu não tinha tempo de acessar todos os dias pra acompanhar o cardápio... também tô pensando em voltar a fazer ele pra dá um up no emagrecimento...
Boa sorte pra vc!

Bj

Patricia Leite!! disse...

Oi Ana, te entendo na questão de está numa cidade onde se faz poucos amigos..(fundamental p/ estimular dietas, at.fisica etc..),mas ó tô na torcida por vc!
bjossss

Andreia B. disse...

Oi Ana, se precisar de alguém pra conversar to sempre aqui diariamente. Eu entendo. Eu sou assim também. Só funciono quando to namorando, quando minhas coisas estão dando certo. Um probleminha e meu mundo desaba! Essa é a minha transformação de agora. Eu, minha alto estima, encarar de frente o problema. Não adianta a gente só trabalhar e perder o foco em nós mesmas. Você tem que ser seu foco! Eu to fazendo uma dieta super fácil, todos os dias eu posto o cardápio, se quiser me acompanhar vai ser muito bem vinda. Meu pai entrou na brincadeira também e já perdeu 5kg. Obvio que eu to fazendo de super baixa caloria, mas algumas coisas você pode adaptar pra você, Algumas coisas você pode consumir um pouquinho a mais... enfim se quiser minha ajuda, estou a sua disposição! Um abraço!

Patricia disse...

oi Ana tenho passado por isso tb. minha situação é melhor pois mudei há 6 meses pra uma cidade nova, e vim ficar perto dos pais e 2 irmãs, mas me sinto só, sem amizades, e meio sem rumo. Mas amiga tô pensando em fazer um curso, academia, sair do meu conforto. E quanto aos acompanhamentos online, acho bacana. requer tempo e dinheiro bjokas e fique com Deus...

Ana C. disse...

Parece clichê mas tente não fazer com que a sua felicidade ou a sua força dependam de fatores externos. Você deve ser a sua força motriz e tirar daí a motivação pra todas as outras coisas.
Você vale cada esforço Linda!:)

beijo Beijo