11.11.06

Chico

Hoje acordei com essa música antiga no pensamento. Se não estou enganada, o nome é AMANDO SOBRE OS JORNAIS, e trata-se de uma composição belíssima do Chico Buarque, gravada pela Maria Bethania ainda nos anos 70. Quem souber mais, por favor, corrija-me, conte-me! Agradeço imensamente as colaborações que recebo por aqui. É tão bom saber-me melhor informada! He, he... E antes que surjam perguntas indiscretas: infelizmente não. Eu não tenho amado sobre jornais. Vontade não falta, mas... reparem no final da poesia. Bom final de semana!

Amando noites afora
Fazendo a cama sobre os jornais
Um pouco jogados fora
Um pouco sábios demais
Esparramados no mundo
Molhamos o mundo com delícias
As nossas peles retintas
De notícias

Amando noites a fio
Tramando coisas sobre os jornais
Fazendo entornar um rio
E arder os canaviais
Das páginas flageladas
Sorrimos, mãos dadas e, inocentes
Lavamos os nossos sexos
Nas enchentes

Amando noites a fundo
Tendo jornais como cobertor
Podendo abalar o mundo
No embalo do nosso amor
No ardor de tantos abraços
Caíram palácios
Ruiu um império
Os nossos olhos vidrados
De mistério

12 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

Nada a declarar apenas admirar essa letra....
Mas eu sou vou amar sobre jornais se tiver uma espuminha entre as folhas:)
Lindo dia flor
beijossssssssss
*pelo menos se sai dessa relação muito bem informada,rsss

Ordisi disse...

Nossa, Pingüinha, se bundas soubessem ler, hehehe...

:)

Beijos abundantes.

Marcos disse...

Que beleza de música, convenhamos. Aliás, Chico é sempre uma beleza.

paulo vigu disse...

Os olhos vidrados de mistério : 1 belo verso de Chico eternizado na voz de Maria Bethania. Sem contar a concepção política: tramando coisas sobre os jornais - atual, né? - Mergulhou lá no riodaqui - Grato, grato - beijo aí - Paulo Vigu

Dono do Bar disse...

Tá tudo certinho. A letra é do Chico e foi escrita em 79 (fora de discografia), com nova interpretação da Bethânia em 82. Muuito linda!

Saudades de você, moça.

Beijos.

DB.

Ps: onde você leu a palavra "inclusive". Não entendi.

DO disse...

Tentei mas não consegui lembrar-me da musica,Ana. Tenho que pesquisar.
Beijos e um otimo domingo a vc.

Lili disse...

(Suspirando) Fazia tempo que não ouvia nem falar nesta linda música! Adoei passar por aqui e encontrá-la. Beijos, querida.

Claudinha disse...

Ei, tudo bem? Você me fez voltar no tempo agora. Eu tenho o disco de vinil com Bethania interpretando esta canção. Cantei-a todinha, de memória. Lembra minha infância... Creio que está certa. Eu nem tenho lido mais os jornais...
Um beijão!

Valéria disse...

pois é...eu dispensaria até os...jornais..rs
beijo

disse...

Ahhhhh! Se os jornais falassem...
Essa é a minha primeira vez... no seu blog, gostei bastante, virei fã.

Marco Santos disse...

Está certíssima, querida. Foi gravada no antológico disco "Mel". Bem lembrada... Beijos procê.

Sheherazade disse...

Que viagem no tempo ... Com Chico Buarque, meu bem, eu amaria até numa bula de remédio, quanto mais num jornal ... hehehehehehe!
Nem vou me dar ao trabalho de dizer que a letra é linda, porque seria uma redundância. O que é que não é lindo naquele homem, meu Deus?

Valeu demais recordar velhos tempos!

Um beijo.