5.2.13

Eu sou normal


Eu sou NORMAL!
Alguém se lembra do (ótimo) bordão do humorista Francisco Milani?
Pois foi assim que me senti no final da minha consulta médica. Eu comentei sobre minha luta diária pra baixar o peso, o cuidado com a alimentação e exercícios, disse que cheguei a procurar um gastro pra me informar sobre cirurgia bariátrica... e fui interrompida.
“Alto lá! Você é NORMAL! Nunca foi magrelinha, seus exames de sangue estão perfeitos, engordou um pouco mais quando parou de fumar e agora sente os efeitos da idade! Pare com essa maluquice de achar que é compulsiva ou que precisa de redução de estômago! Você tem uma  ‘obesidade saudável’, se é que existe esse termo. Mas cirurgias bariátricas representam inúmeros riscos, e são irreversíveis! São indicadas para aquelas pessoas que estão à beira da morte por causa da obesidade, e esse não é o seu caso.”
Não sei se as palavras foram exatamente essas, mas esse foi o sentido da coisa. Ainda fui orientada a não descuidar, porque cada quilo a mais vai pesar em todos os sentidos. E a persistir com exercícios aeróbicos, porque 15 minutos diários são suficientes pra evitar o desenvolvimento do diabetes, por exemplo.
E eu fiquei feliz!
...
Outra coisa: estou conseguindo tempo pra ler, êba! Não leitura acadêmica, obrigatória, mas romances, aventuras, ficção que tanto me distrai.
Isso também me faz feliz!

6 comentários:

Josiane disse...

tem horas que pensou que não sou normal, mas lendo seu post vi que sou a única

Lucélia Mendes disse...

Que bom que foi isso que você ouviu né! Menos mau! Para emagrecer precisa ter muita paciência e manter a R A e uma A F mesmo que moderada. Demora mas os resultados aparecem. Não sei sua idade mas eu beirando os 4.2 já sinto o peso dessa idade que desacelera o metabolismo... mas não posso parar.
ABRAÇOS E SE CUIDA AI QUE VOCÊ VAI CONSEGUIR!

http://papodemulheremaisumpouco.blogspot.com.br/

Manu disse...

Que bom querida! Agora é só se manter firme nos exercícios maneirar os pensamentos e ler bastaaante rsrs (tmb amo cheiro de livro) rsrs Beeijos

Rê Cabral disse...

Engraçado como a gente fica com o olhar viciado e qndo alguém, especialmente um profissional, diz q somos normais a gente assusta, né? Então, senhora normal, continue cuidando de vc q é a melhor coisa q vc pode fazer por si mesma! ;)

Benno disse...

Desculpe a ausência. Ando meio assim, sem saber o que dizer, ou querendo dizer muitas coisas mas sem saber como dizê-las. Outras vezes não sei o que dizer nem como. E quando tenho o que falar parece sempre que é melhor expresso pelo silêncio.
Apesar das minhas muitas maluquices, no mais sou um sujeito supernormal.
Beijos

)O(Lua Nua)O( disse...

Tenho uma amiga que era obesa mórbida e fez essa tal de bariátrica. Um dia ela me falou que se soubesse os problemas que teria depois da cirurgia JAMAIS teria feito. Ela não detalhou, mas deu pra eu entender que não presta (a menos que seja para afastar da morte iminente). Também sou gordinha e os joelhos agradeceram quando comecei a fazer Pilates. Tô adorando e com ele voltei a andar de moto. Gordinha, motociclista e feliz.

Beijão!